Toada Ndongo

Pomba-gira cigana, Exu-mulher

há algo de ti que me cabe

seja a presença, seja a saia

tenho seu fundamento

há muito de ti que me sabe

na encruzilhada plantei palavras

dei de comer e de beber a outros saberes

é seu nome, então, que hoje canto

em ritmo banto, na toada Ndongo

Pomba-Gira cigana, Exu-mulher

guarde-me em sua quartinha

pois nada sou sem seu colar de contas

pois nada posso sem sua mandinga

“Toada Ndongo”, do livro “366 poemas para 2020” (mimeo)

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Salir /  Cambiar )

Google photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google. Salir /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Salir /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Salir /  Cambiar )

Conectando a %s